Nadia Somekh é condecorada pelo Ministério da Educação da França

A arquiteta e urbanista e professora da Universidade Mackenzie recebeu o título honorífico de Cavaleiro da Ordem das Palmas Acadêmicas por sua contribuição com a difusão da cultura francesa


Nadia Somekh na 80ª Plenária Ordinária do CAU/BR em 20 de julho de 2018 (Foto: reprodução / CAU/BR)


Nadia Somekh – arquiteta e urbanista e docente na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Presbiteriana Mackenzie - recebeu a condecoração honorífica de Cavaleiro da Ordem das Palmas Acadêmicas (Chevalier dans l'Ordre des Palmes Académiques) do cônsul-geral da França, Brieuc Pont, nesta quinta-feira, 9 de agosto, em São Paulo. 

A nomeação reconhece a produção teórica e prática de Nadia Somekh, que vem pesquisando a verticalização das cidades brasileiras e o patrimônio histórico na metrópole contemporânea.

Concedida pelo Ministério da Educação da França, a condecoração busca honrar méritos de franceses ou estrangeiros que contribuem para a expansão da cultura francesa no mundo.

No início, o título honorífico era destinado especialmente às universidades e liceus franceses. Porém, desde 1866, passou a reconhecer méritos das pessoas do mundo da educação, da pesquisa e da tecnologia que se distinguiram e prestaram serviços importantes na cooperação científica, técnica e tecnológica com a França.

A relação da arquiteta urbanista com o país europeu é antiga: seu bisavô fundou a Aliança Francesa Israelita no Oriente Médio; seus avós foram criados em Paris; seus pais nasceram no Cairo e foram criados em escolas francesas; e Nadia também nasceu na capital do Egito, mas veio criança para o Brasil - tendo o francês como língua materna e o português como adotiva. 

Em 1987, ela ganhou uma bolsa Fapesp para montar seu projeto de pesquisa de doutorado com professores franceses: Alain Lipietz, Christian Topalov e Vincent Renard da revista Etudes Foncières, na qual publicou o artigo "A Verticalização em São Paulo", tema de seu mestrado.

Além de diversas publicações, traduções e parcerias com pesquisadores franceses, a docente é a responsável, no Brasil, pelo programa "Os Diálogos França-Brasil". Foi também diretora do Departamento do Patrimônio Histórico do município de São Paulo entre 2013 e 2016, período em que criou a Jornada do Patrimônio - atualmente, em sua quarta edição - com o apoio do Consulado da França em São Paulo e do Ministério da Cultura da França. 

Atualmente, Nadia Somekh é coordenadora-adjunta da Comissão de Relações Internacionais no Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR) e titular da Vice-presidência Extraordinária do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB) para o Congresso UIA2020RIO. 

Publicada originalmente em ARCOweb em 09 de Agosto de 2018
  • 0 Comentários

ENVIE SEU COMENTÁRIO

Assine PROJETO e FINESTRA!
Acesso completo grátis para assinantes


Quem assina as revistas da ARCO pode acessar nosso acervo digital com mais de 7 mil projetos, sem custo extra!

Assine agora