Luiz Eduardo Indio da Costa: Residência no Joá, Rio de Janeiro

O mar dentro de casa

Caminha-se circundado pelo vazio e com a água sob os pés, perto e longe. Nesta casa desenhada por Luiz Eduardo Indio da Costa para terreno no topo de encosta litorânea do bairro do Joá, no Rio de Janeiro, os blocos programáticos estão interligados por passagens envidraçadas que se debruçam sobre a água. A vista é desimpedida e o mar parece alongar-se para dentro da casa


Foto: Wagner Ziegelmeyer

O visual é, de fato, deslumbrante, contemplando cerca de 30 quilômetros do mar do Rio de Janeiro na zona litorânea entre o Arpoador e o Recreio dos Bandeirantes. Localizada no topo do morro, a residência parece isolada, com as edificações vizinhas recuadas ou posicionadas em cotas rebaixadas.

O programa foi distribuído em três pavimentos, dos quais o inferior é o acesso e abrigo das áreas de lazer internas e externas. Sobre ele está o pavimento social e por último o íntimo, que acomoda três suítes. A chegada com automóvel se dá através de caminho curvo na parte frontal do lote, com vista para o mar e pavimentação drenante que lembra o muro de pedra da base da casa. Há arvores de médio porte e vegetação densa neste trecho, de modo a ver-se verde - também das paredes de contenção - e água alternadamente, como se não se tratasse de uma casa urbana.

A piscina tem posição de destaque no embasamento, com a sua forma de L circundando o volume da sauna (vedado com o muro de pedra) e integrando-se à varanda descoberta da lateral direita da implantação. Sala de estar, sauna, sala de ginástica e churrasqueira ocupam metade do pavimento, sendo a outra parte dedicada à dependências de funcionários, áreas técnicas e garagem. Um elevador envidraçado conduz, então, até o pavimento intermediário, envolto por escada com piso flutuante.

Sobre a piscina, e cobrindo a sauna, há uma segunda superfície com água. Trata-se do espelho d’água que, partindo da área externa, tem a particularidade de atravessar de frente a fundo a casa, gerando dois setores. Visualmente integrados e conectados através de uma pequena passagem com paredes de vidro, há o hall de acesso de um lado (ladeando o único dormitório deste piso) e a sala de estar do outro. A luz natural refletiva na água ilumina os interiores, onde predominam revestimentos claros e as fachadas são de vidro. Em toda a casa, aliás, as janelas, fixas e móveis, são conformadas por grandes painéis do material.



Foto: Wagner Ziegelmeyer

O espelho d’água desmembra a construção em dois volumes, tanto no pavimento intermediário quanto no superior, onde os quartos estão separados pelo vazio que deixa entrever, do alto, a água dentro de casa. Ainda que intercomunicáveis, cada volume é envolto por vidro - potencializam-se as vistas externas - e há entre eles relações de recuo e avanço que dinamizam a volumetria arquitetônica.

A estrutura metálica especificada por Indio da Costa delimita cada bloco, havendo relação interessante entre a racionalidade construtiva e a expressividade arquitetônica. Neste sentido, vale ressaltar as bordas curvas dos telhados, apontando para cima como que a reverenciar a paisagem. São raios abertos, alongados, enfatizados pelo revestimento da face inferior da cobertura com madeira. Um equilíbrio sutil que o arquiteto credita à busca por evitar-se o “monótono formalismo convencional”, de casas/caixas. 



Foto: Wagner Ziegelmeyer


Luiz Eduardo Indio da Costa
Nascido em Pelotas (RS) e radicado no Rio de Janeiro, Luiz Eduardo Indio da Costa se formou em 1961 pela Universidade do Brasil. Iniciou sua carreira em uma construtora, se aperfeiçoou em urbanismo na França, atuou em órgãos públicos municipais do Rio de Janeiro e montou um pequeno estúdio em Botafogo, que se transformou gradativamente em uma estrutura empresarial e onde está até hoje comandando, junto com o seu filho, Guto Indio da Costa, a Indio da Costa A.U.D.T [Arquitetura, Urbanismo, Design e Transporte]



Ficha Técnica

Residência no Joá

Local Rio de Janeiro (RJ)
Início do projeto 2012
Conclusão da obra 2018
Área do terreno 3.700 m²
Área construída 650 m²

Arquitetura Indio da Costa A.U.D.T - Luiz Eduardo Indio da Costa (autor); Carlota Sampaio, Roberta Leite, Aline Zorzo, Joyce Camillo, Rodrigo Carneiro, Leonardo Lopes, João Pedro Alencar (colaboradores)

Interiores Duda Porto Arquitetura
Luminotécnica Wallamps
Paisagismo CAP Paisagismo
Estrutura Abilitá Projetos Estruturais
Instalações e ar-condicionado GRAU Engenharia de Instalações
Automação Noise
Construção LAER Engenharia
Fotos Wagner Ziegelmeyer

Fornecedores

Engenho da Madeira (portas e janelas);
Tecnofeal (esquadrias de vidro);
PSE Vidros (guarda-corpos e cobertura de vidro);
CORE Innovation in Wood (forro de madeira Accoya);
Florense (cozinha);
Ominitrade Brasil (cobertura em manta termoplástica);
Tanto Revestimentos (revestimentos cerâmicos);
Braston Pisos Personalizados (piso drenante da rampa);
Oliveira&Oliveira (piso de madeira)

Publicada originalmente em ARCOweb em 21 de Janeiro de 2020
  • 0 Comentários

ENVIE SEU COMENTÁRIO

Assine PROJETO e FINESTRA!
Acesso completo grátis para assinantes


Quem assina as revistas da ARCO pode acessar nosso acervo digital com mais de 7 mil projetos, sem custo extra!

Assine agora