Chineses do MAD alteram projeto do museu de George Lucas

A equipe do escritório MAD Architects apresentou um novo projeto para a proposta do Museu de Arte Narrativa que o cineasta quer construir em Chicago

Localizado à beira do lago Michigan, em Chicago, o polêmico projeto do estúdio MAD Architects terá sua área total reduzida em cerca de 25%, passando para 27.870 metros quadrados, enquanto que sua pegada de carbono deve ser reduzida em 40%.

Siga-nos no Facebook

Após São Francisco e Chicago, George Lucas quer museu em Los Angeles

O Museu de Arte Narrativa George Lucas vai abrigar a coleção particular de arte do cineasta, que conta com pinturas de Norman Rockwell, a arte digital e os trajes e objetos de filmes como Guerra nas Estrelas e Indiana Jones.

O novo projeto inclui janelas com vista para a cidade e para a natureza da região, como os parques e o lago.

No interior, o edifício incluirá galerias, salas de cinema e um restaurante com vista de 360 ​​graus, localizado na parte superior da estrutura.

O revestimento exterior ainda precisa ser especificado, mas os arquitetos do escritório indicam que o empreendimento provavelmente será revestido com pedra ou concreto.

Previsto para ser construído sobre o que atualmente são áreas de estacionamento, o projeto inclui uma grande garagem subterrânea.

Entre as modificações revistas, está ainda o adicional de uma área de 1,82 hectares de espaço aberto.

Nesta área, o Studio Gang - escritório que também assina o projeto - e o escritório de paisagismo SCAPE pretendem desenvolver uma série de dunas com caminhos e trilhas que funcionem por meio delas.

O projeto revisto será formalmente apresentado para aprovação no final de setembro.



Publicada originalmente em ARCOweb em 30 de Setembro de 2015
  • 0 Comentários

ENVIE SEU COMENTÁRIO

Assine PROJETO e FINESTRA!
Acesso completo grátis para assinantes


Quem assina as revistas da ARCO pode acessar nosso acervo digital com mais de 7 mil projetos, sem custo extra!

Assine agora