Perkins and Will: C6 Bank Office, São Paulo

Corporativo a quatro mãos

Situado na Avenida Nove de Julho, em São Paulo, o projeto assinado pelo braço paulistano do estúdio global de arquitetura e design Perkins and Will foi elaborado ao mesmo tempo em que se dava o desenvolvimento dos princípios norteadores do C6 Bank. É por isso que a sede exprime a intensa troca de ideias entre o cliente e a equipe de projeto e valoriza a integração dos funcionários pelas oito lajes do banco - afinal, a empresa acredita no trabalho em rede

Fundado por ex-sócios do banco de investimento brasileiro BTG Pactual, o C6 Bank é recente no nicho digital financeiro - na verdade, as operações iniciaram em março de 2019 de forma restrita aos funcionários e clientes convidados para, em agosto, estenderem-se ao público externo. O modelo operacional em rede assumido pela instituição é também o fundamento para seu espaço físico, concluído nesse mesmo ano na região comercial da Avenida Nove de Julho, em São Paulo. Daí o conceito de intercomunicação ter servido de base para todo o desenvolvimento do projeto.

Colaborou para essa "coincidência" a simultaneidade entre as fases de solidificação dos princípios da empresa - que evidenciam integração e trabalho em equipe - e a própria elaboração do espaço, encabeçada pelo estúdio global de arquitetura e design Perkins and Will. A eficácia do resultado provém da união com o cliente durante todo o processo de planejamento: “Quando começamos esse trabalho junto ao Perkins, a ideia era que o espaço traduzisse nossos valores e nossa cultura, e que a troca de experiências acontecesse livremente em uma área aberta”, depõe Karina Rodrigues, head de finanças do C6 Bank.

Para tanto buscou-se harmonizar o programa em momentos pontuais - ora coletivos, ora individualizados - e setorizá-los nas oito lajes livres do edifício. O núcleo de circulação vertical, bem como os ambientes de serviço e apoio (copa e sanitários), foram posicionados no encontro dos eixos ortogonais que configuram o sutil desenho em “L” da planta, liberando uma extensa área vazia facilmente adaptável às necessidades de cada andar.

Outra solução relevante deriva da diversidade de estratégias aplicadas a determinadas especificações e configurações internas, de modo a preservar tanto o senso de integração quanto o propósito de cada espaço. As varandas, por exemplo, estão no perímetro das lajes, favorecendo reuniões mais reservadas, longe do núcleo; espaços de café se alternam entre os pavimentos para estimular a circulação dos funcionários; vidros polarizados permitem ocultar, ou não, reuniões no sétimo andar, especialmente elaborado para esta função. Ainda assim, tudo permanece no plural: “É um espaço novo e acolhedor, mas que, ao mesmo tempo, permite mudanças no dia a dia. Como somos muito dinâmicos - sempre estamos construindo algo novo - são importantíssimas essas características bem distribuídas e definidas”, diz Maxnaun Gutierrez, head de produtos de pessoa física do C6 Bank.


(Foto: Renato Navarro)

Para personalizar ainda mais o espaço, alguns itens foram elaborados em referência ao próprio nome da instituição: “Trouxemos materiais focados em tecnologia e relacionados ao próprio carbono, que corresponde ao 'C' do C6. Por exemplo, a textura da fibra do elemento está em algumas paredes”, explica Fernando Vidal, arquiteto e diretor geral do Perkins and Will. Ainda, características do componente aparecem em algumas arestas, por exemplo, nas caixas de salas de reunião. “Com formas orgânicas, elas foram aplicadas no espaço a fim de conceber uma arquitetura mais natural para um ambiente que tende à racionalidade”, afirma Fabio Jungstedt, também arquiteto do estúdio.


(Foto: Renato Navarro)

 

Perkins and Will
Estúdio multidisciplinar de arquitetura e design baseado em pesquisas, foi fundado em 1935 – e desde então atua conforme seus valores de excelência em design, diversidade e inclusão, pesquisa, resiliência, propósito social, sustentabilidade e bem-estar. Atualmente, há 26 estúdios da Perkins and Will ao redor do mundo, somando mais de 2.700 profissionais para oferecer serviços de arquitetura, design de interiores, ambientes de marca, design urbanístico e paisagismo. Estabelecida em 2012, a unidade paulistana conta com 60 colaboradores e já desenvolveu projetos para importantes clientes do segmento hospitalar, institucional, educacional, além de bancos. Nos retratos, o diretor de design Douglas Tolaine e o arquiteto e diretor geral do Perkins and Will de São Paulo, Fernando Vidal.



Ficha Técnica

C6 Bank Office

Local São Paulo
Área Construída 7.756 m²
Início do Projeto 2018
Conclusão da Obra 2019

Arquitetura Perkins and Will - Fernando Vidal, Danielle Superti, Clariane Nogueira, Rodrigo Gianoni, Fábio Jungstedt, César Tadao, Natália Martins, Lais Tonso e Gabriela Migotto

Construtora Athiê Wohnrath
Fotos Renato Navarro

Fornecedores

Insight (marcenaria)
Novo Ambiente (cadeiras)
Lumini e Omega (iluminação)
Escinter, Herman Miller, Vitra, Fernando Jaeger, Decameron, Airten, Max Design, Mac Móveis, Cavaletti, Artesian, Loeil, Tidelli, Ovo (mobiliário)
Owa (revestimento acústico)
Abatex (divisória industrial)
Vitra (assentos)
Tarkett (piso vinílico)
Portobello (piso cerâmico)

Publicada originalmente em ARCOweb em 08 de Janeiro de 2020
  • 0 Comentários

ENVIE SEU COMENTÁRIO

Assine PROJETO e FINESTRA!
Acesso completo grátis para assinantes


Quem assina as revistas da ARCO pode acessar nosso acervo digital com mais de 7 mil projetos, sem custo extra!

Assine agora