Estudantes propõem projetos para o Largo do Paissandu

O portal Projetar.org selecionou, por meio de concurso de ideias, três projetos de habitação de interesse social para a área onde ficava o edifício que desabou este ano, no Largo do Paissandu, em São Paulo

O portal Projetar.org convidou estudantes de arquitetura e profissionais recém-formados, de forma individual ou em equipes, a propor uma habitação de interesse social no terreno onde ficava o edifício Wilton Paes de Almeida, que desabou no dia 1º de maio deste ano em decorrência de um incêndio, no centro da cidade de São Paulo.

Os três primeiros colocados foram contemplados com pagamento em dinheiro (R$ 2,3 mil para o primeiro lugar, R$ 1,7 mil para o segundo e R$ 1 mil para o terceiro), além de certificado e publicação dos projetos em sites, redes sociais e blogs parceiros.

A proposta para o concurso de ideias Habitação Social no Largo do Paissandu deveria abrigar 200 famílias, com quatro tipologias diferentes de apartamentos, em uma estrutura contemporânea modulável. 

O intuito da iniciativa foi provocar reflexão e discussão sobre as condições precárias em que vive boa parte da população brasileira e os impactos decorrentes dessa situação nas cidades brasileiras.

Confira os resultados:

1º Lugar

Adalberto Leandro de Paula (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - UFMS)

2º Lugar

Artur Bernardoni, Natália Machado Capeletto, Camila Letícia Vier, Mariah Vieira Mafra (Universidade do Vale do Itajaí - Univali - Itajaí/SC); 
Leonardo Zanatta (Universidade de Passo Fundo - UPF - Passo Fundo/RS)

3º Lugar

Caio Diniz de Farias e Juliano Bohrer (Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS - Porto Alegre/RS)

Publicada originalmente em ARCOweb em 27 de Setembro de 2018
  • 0 Comentários

ENVIE SEU COMENTÁRIO

Assine PROJETO e FINESTRA!
Acesso completo grátis para assinantes


Quem assina as revistas da ARCO pode acessar nosso acervo digital com mais de 7 mil projetos, sem custo extra!

Assine agora