Mostra traz obra do arquiteto e artista Flávio de Carvalho

Em agosto de 2019, abre a exposição que reúne parte da extensa obra do vanguardista brasileiro na Galeria Almeida e Dale, em São Paulo


Sem título, 1955, por Flávio de Carvalho (Imagem: Divulgação)

De 17 de agosto a 19 de outubro de 2019, a Galeria Almeida e Dale, em São Paulo, expõe uma das mais importantes referências artísticas do século XX, a obra da ilustre figura Flávio de Carvalho (1899-1973). Com curadoria de Kiki Mazzucchelli, a mostra foi originalmente apresentada na Sotheby's S2 Gallery, em Londres, em abril deste ano e agora estreia em território nacional.

Arquiteto, pintor, escultor, cenógrafo, designer, jornalista, escritor e dramaturgo, o carioca acumulou vasta produção multidisciplinar durante suas cinco décadas de trabalho e, nessa mostra, estarão expostas cerca de 50 peças, que variam entre desenhos, pinturas, ilustrações, arquivos e documentação. Os destaques da vez são os retratos expressionistas de pessoas marcantes para a trajetória do artista, bem como os projetos arquitetônicos elaborados durante seu pioneirismo na arquitetura moderna brasileira - obras que renderam, inclusive, participações em concursos nacionais e internacionais devido ao trato pessoal que combinava linguagens futurísticas, alegóricas, etnológicas, psicológicas e antropofágicas.

"Flávio de Carvalho é uma das figuras mais interessantes da vanguarda brasileira do século XX. Seus projetos de cunho conceitual atestam seu extraordinário feito de expandir o campo da arte para além de territórios e formas conhecidos, ampliando assim a própria definição daquilo que pode ser considerado arte", comenta Kiki.

O artista ainda inovou ao adotar novas mídias, destacando-se por suas invenções na dramaturgia e suas performances artísticas, abrindo caminho para as novas tendências que se desenvolveram no Brasil a partir dos anos 1960. A ousadia ainda lhe rendeu grande difusão de sua obra pela Europa Ocidental, URSS e Estados Unidos, e seus retratos expressionistas de personalidades estão em acervos de importantes museus em Nova York, Paris, Roma, Moscou, além de São Paulo e Rio de Janeiro.

Apesar de ter recebido atenção significativa da mídia ao longo de sua carreira, a produção de Carvalho constantemente perdeu forças ao ir de encontro ao conservadorismo vigente na época, principalmente, por ainda não existirem museus dedicados à arte moderna contemporâneos à maior parte de sua produção - o MASP, primeiro deles, fundado apenas em 1947 -, resultando na dispersão de seus materiais e arquivos em coleções públicas e privadas.

A exposição, portanto, busca contribuir para a contextualização e reavaliação da obra de Flávio de Carvalho, e será acompanhada de um catálogo contendo textos inéditos para melhor compreensão de seu papel fundamental na historiografia da arte brasileira.


Individual de Flávio de Carvalho
Local Galeria Almeida e Dale
Endereço Rua Caconde, 152, Jardim Paulista - SP
Abertura 17 de agosto | das 10h às 14h (sábado)
Período expositivo 17 de agosto a 19 de outubro
Visitação segunda a sexta | das 10h às 19h
Entrada gratuita



Publicada originalmente em ARCOweb em 24 de Julho de 2019
  • 0 Comentários

ENVIE SEU COMENTÁRIO

Assine PROJETO e FINESTRA!
Acesso completo grátis para assinantes


Quem assina as revistas da ARCO pode acessar nosso acervo digital com mais de 7 mil projetos, sem custo extra!

Assine agora