Edição 443: Uma edição residencial

 

Sobre o mar, com vista para o lago ou na clareira do campo. Sejam primeira ou segunda morada, as casas que publicamos nesta edição temática - residencial - da PROJETO compartilham o partido do máximo desfrute da paisagem natural envolvente, abrigando, contudo, com conforto ambiental e privacidade, os seus habitantes. Do escritório Bernardes Arquitetura apresentamos a Casa Península, localizada no Guarujá, litoral sul de São Paulo e implantada em um prolongamento da ilha em direção ao mar. A situação natural é mesmo especial, ladeada que está a residência - única obra brasileira selecionada para a mostra Young Architects in Latin American, que ocorre em Veneza até 25 de novembro, no centro cultural CA’ASI - por uma baía, fato valorizado pelo projeto da equipe carioca (também estabelecida em São Paulo).

Da mesma cidade litorânea paulista, mas do outro lado da ilha, selecionamos o projeto do escritório Magalhães & Associados Arquitetos, que se desenvolve verticalmente por causa das características do terreno. A estrutura é metálica e a área construída não é pouca - 1,2 mil metros quadrados -, mas cada pavimento tem terraços abertos que amenizam a presença da casa no local e dão aos moradores a oportunidade de estarem em contato constante com o ambiente externo.

Já os arquitetos do escritório Aleph Zero estão presentes na edição com o projeto da Casa+Casa, obra localizada em Amparo, cidade interiorana paulista. A implantação ocorre em um terreno de esquina pertencente a condomínio particular e o amplo programa previa o convívio de três dinâmicas distintas e simultâneas: a morada da mãe, a da filha e a dos hóspedes. A construção, então, está setorizada em dois pavimentos distribuídos em blocos independentes que se conectam nos terraços e jardins.

De madeira, então, é feita a casa concebida pelo escritório Nitsche Arquitetos para um amplo terreno em Itajaí, também em São Paulo. Ela se distribui horizontalmente pelo lote, intercalando pátios ajardinados aos núcleos residenciais, com destaque para os cobogós das fachadas - que filtram a luz e conferem privacidade - e para a delicadeza da estrutura e coberturas.

Há também um projeto que inverte o tradicional uso da cota térrea das residências, ou seja, nada de sala rodeando o jardim ou a piscina. Os ambientes sociais estão, ao invés, no pavimento superior, solução eleita pela equipe do Arquitetura Nacional para privilegiar a vista dos moradores para o skyline, a longa distância.

O morar coletivo está também contemplado pelo projeto do edifício residencial Árbol, do escritório português Carvalho Araújo. Concebido para a IdeaZarvos!, é habilidosa a solução dos arquitetos de dinamizarem a modulação das fachadas, mesmo com a existência da planta-tipo.

E o grande destaque da edição foi dado ao escritório FGMF Arquitetos, objeto da nossa seção Perfil. Craques em desenhar residências - e tudo o que é do campo da arquitetura, conforme se lê na matéria de Adilson Melendez -, eles nos contam aqui do projeto do edifício residencial Aruá, igualmente concebido para a IdeaZarvos!

Paulo Mendes da Rocha, por sua vez, está presente em duas seções da revista: na entrevista, em que transcrevemos - com a ajuda de Rodrigo Ohtake - trechos do debate que o arquiteto travou com o sul-coreano Toyo Ito, em março, no Fórum da Expo Revestir; e no artigo de Daniele Pisani sobre uma obra inédita, já demolida, projetada por Mendes da Rocha e por João Eduardo De Gennaro em par com o Ginásio do Club Athletico Paulistano. Trata-se do Jardim de Infância do mesmo clube.

Por fim, a seção Finestra reúne as obras dos escritórios Torres & Bello Arquitetos Associados (para o edifício corporativo Golden Tower, em Porto Alegre) e da dupla Paulo Bruna e Gomes Machados Arquitetos Associados (para dois edifícios destinados às agências da Organização das Nações Unidas, em Brasília), assim como matéria que resume o conteúdo do evento Glass Façades Day, ocorrido em maio, em São Paulo.

BOA LEITURA!!

Texto de | Publicada originalmente em Projeto Design na Edição 443
  • 0 Comentários

ENVIE SEU COMENTÁRIO

Assine PROJETO e FINESTRA!
Acesso completo grátis para assinantes


Quem assina as revistas da ARCO pode acessar nosso acervo digital com mais de 7 mil projetos, sem custo extra!

Assine agora