Shieh Arquitetos Associados: Escola Ecoara, Valinhos, SP

Escola ampliada com arquitetura antroposófica

Expansão de escola infantil alinhada com a pedagogia Waldorf seguiu as orientações do médico e filósofo austríaco Rudolf Steiner para ganhar salas hexagonais, alameda central, estrutura desmontável e paredes em taipa de mão

Na Escola Waldorf Ecoara, a demanda era objetiva: aumentar a capacidade da edificação de 88 para 140 alunos, adicionando 250 metros quadrados à área existente em um primeiro momento e mais 450 metros quadrados posteriormente.

Para atendê-la, a equipe do escritório Shieh Arquitetos Associados, que tem expertise na área educacional, mergulhou nos ensinamentos do filósofo e educador austríaco Rudolf Steiner – seguidos pelos pais e mestres da instituição, adeptos da pedagogia Waldorf ­– e em sua arquitetura antroposófica.

Definiu-se assim - de acordo com o pensamento de Rudolph Steiner, o ideal é evitar a adoção de ângulos retos - que os novos trechos privilegiariam formas orgânicas e acolhedoras, daí as salas de aula hexagonais e os telhados inclinados, e optou-se pela modularidade, pensada para simplificar futuras ampliações. 

A solução desmontável, com estrutura de madeira leve e rápida de instalar, entrou na composição para garantir portabilidade caso a comunidade Waldorf de ensino infantil e fundamental precise mudar de endereço.

Os arquitetos optaram também por um sistema construtivo cuja estrutura é leve e rápida de instalar. Pilares, vigas, terças são realocáveis. Telhas, portas e janelas também. Os únicos itens que não são passíveis de reaproveitamento são fundação e paredes. Para as paredes, reservou-se um caráter especial: fazendo valer o espírito comunitário, previu-se reunir adultos e crianças para erguerem, juntos, divisórias de taipa de pilão com malha de bambu.

Segundo Leonardo Shieh, arquiteto e sócio do Shieh Arquitetos, a decisão faz sentido numa escola em que os pais participam ativamente, onde cabe propor uma atividade construtiva que dê senso de pertencimento ao grupo. Sendo assim, as paredes serão fechadas com a tradicional técnica de taipa de mão: entre a estrutura principal de madeira, será disposta uma malhas de galhos e bambu, que dá suporte ao “sopapo de mão”, barro a ser compactado manualmente pelos pais e crianças numa atividade lúdica e simbólica.

A ideia é que especialistas em taipa ofereçam, inclusive, um curso prático de capacitação para a comunidade da Ecoara e também aos pedreiros da obra. Pretende-se assim difundir o emprego da técnica, esquecida em sua versão tradicional e ainda pouco divulgada na versão moderna - agora com os devidos controles tecnológicos da mistura. 

“Queremos uma parede com bom conforto térmico e que ‘respire’. Mas a característica mais interessante desta técnica é a ‘retornabilidade’ do material ao meio natural, ou seja, a terra volta a ser terra.  Para isso, não haverá a adição de química nesse projeto (aglomerantes ou hidrofugantes)”, explica o arquiteto.

Na cobertura, telhas de aço pré-pintadas formando um sanduíche de lã de rocha. Na face inferior, a superfície metálica deve ser perfurada, de modo a permitir a absorção acústica apropriada para salas de aula. A expectativa do projeto é que a escola, tanto por sua planta de salas hexagonais dispostas a criar uma alameda central, quanto pelo tipo de construção, possa nutrir a comunidade além das salas de aulas.

   



Ficha Técnica

Expansão Escola Waldorf Ecoara
Local
Valinhos, SP
Ano do projeto 2018
Área do terreno 5 300 m²
Área contruída existente 700 m²
Expansão projetada para janeiro de 2019 250 m²
Expansão projetada 700 m²

Projeto de arquitetura Shieh Arquitetos Associados - Leonardo Shieh, Shieh Shueh Yau, Ricardo Azevedo, Nathália Grippa, Karen Minoda e Rodrigo Chedid (autores) e Carolina Ribeiro (co-autora)

Projeto de fundação Prodenge Engenharia e Projeto Ltda
Consultoria de fundação MG&A Consultores de Solos
Paredes de taipa 
Arquitetos André Heise e Márcio Hoffmann/ Taipal Construções em Terra
Projeto e execução da estrutura de madeira Orbital EStruturas de Madeira
Cobertura Telhas da Perfilor; montagem da Ideal Coberturas

 

 

Texto de | Publicada originalmente em Projeto Design na Edição 447
  • 0 Comentários

ENVIE SEU COMENTÁRIO

Assine PROJETO e FINESTRA!
Acesso completo grátis para assinantes


Quem assina as revistas da ARCO pode acessar nosso acervo digital com mais de 7 mil projetos, sem custo extra!

Assine agora